Skip to Content

Plataforma Brasileira do DRM - Digital Radio Mondiale, também conhecido como RDM - Rádio Digital Mundial.

Novo aplicativo de recepção DRM para Android


Foi lançado um novo aplicativo sem custo para recepção DRM para Android em: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.algorkorea.app.drm1

O software, que roda em celulares ou tablets com Android, necessita de um sintonizador externo que repassa o sinal DRM na banda passante de áudio pela entrada de microfone de um aparelho rodando Android.

MCTIC trabalhará na digitalização do Rádio no Brasil em 2020

Durante o evento de lançamento da SERAD Digital, o Diretor do DECEF, Marcus Vinícius Paolucci, anunciou que em 2020 o MCTIC irá trabalhar na digitalização da radiodifusão sonora do país.

Todos da ABRADIG e DRM-Brasil estamos felizes com o anúncio, e esperamos que a definição do modelo de referência do Sistema Brasileiro de Rádio Digital (SBRD) seja anunciada o mais breve possível.

Quem está dirigindo a digitalização do rádio?

É necessário um esforço conjunto para levar a digitalização do rádio a um objetivo bem sucedido

O rádio AM/FM analógico continua sendo um meio de alcance de massa, enquanto o rádio digital ainda é um nicho. No final de mais um ano, o rádio digital ou a nova e avançada plataforma de áudio e multimídia ainda parece ser uma tartaruga (um pouco mais energizada em 2018) para a relativamente forte lebre analógica.

DRM-Brasil e ABRADIG saúdam novo Ministro Marcos Pontes

A plataforma DRM-Brasil e a ABRADIG (Associação Brasileira do Rádio Digital) saúdam o novo Ministro de Estado da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Tenenete-coronel Engenheiro Astronauta Marcos Pontes. Desejamos uma ótima gestão e que ao tema da digitalização do rádio seja dada máxima prioridade, em vista das tensões do continente sul-americano e da importância da rádio difusão principalmente para populações rurais, ribeirinhas e e localizadas nas mais distantes partes deste país, onde o rádio muita vezes é o único intrumento de formação e informação.

Publicada especificação sobre o transporte de aplicações Ginga pelo DRM

Foi publicada a especificação de como se transmitir, receber e executar aplicações Ginga sobre o sistema de rádio digital DRM. O Ginga atualmente provê suporte para dois ambientes de execução: NCL e HTML5, estando afinado com o estado da arte das tecnologias da Web e smart TVs e rádios.

Acesse a publicação em: Towards a Ginga-enabled Digital Radio Mondiale Broadcasting chain: Signaling and Definitions.

Rússia adota o DRM também para a faixa do VHF (atual FM)

A Rússia anunciou que irá adotar o padrão DRM também para a bandas do VHF, onde estão as transmissões FM, além das bandas de LF, MF (OM) e HF (OC), já destinadas a migração para o Rádio Digital com o padrão DRM. As frequências que serão utilizadas para a implantação do DRM em VHF são as faixas de 65,9-74 MHz e 87,5-108 MHz (atual faixa do FM), e o sistema digital foi escolhido por proporcionar a otimização do espectro e a economia de energia.

DRM presente na SET 2018

Encontre o DRM-Brasil e a ABRADIG (Associação Brasileira do Rádio Digital) no stand da Gospell na SET 2018 e acompanhe a transmissão DRM junto aos mais novos receptores DRM da Gospell!

Veja mais em: http://set.org.br/events/setexpo

Ginga D incluído na proposta de uso do Ginga no DRM

A introdução do Ginga D no SBTVD, que inclui suporte ao Ginga-HTML, levou a atualização da proposta da ABRADIG e DRM-Brasil sobre o uso do Ginga junto ao DRM no SBRD. Veja a proposta atualizada, que contém suporte a ambos Ginga-NCL e Ginga-HTML (assim como no SBTVD):
https://arxiv.org/abs/1811.04193

O Ginga-HTML5 é um subconjunto do perfil completo do HTML 5 da W3C, que foi publicado como ABNT 15606-10.

Veja mais em:
http://www.telemidia.puc-rio.br/~rafaeldiniz/radio/

Universidade de Brasília abre curso de Mestrado Profissional sobre DRM em HF

O Programa de Pós-Graduação Profissional em Engenharia Elétrica da UnB (Universidade de Brasília) introduziu para o segundo semestre de 2018 um curso de Mestrado Profissional cujo tema principal é o uso do sistema DRM em HF (Ondas Curtas).

Veja a página na PPEE: https://ppee.unb.br/?page_id=34#ed12018
Veja o edital: https://ppee.unb.br/wp-content/uploads/2018/05/Edital_PProfissionalEE_01...

ABRADIG faz aniversário de 2 anos com novos projetos envolvendo DRM

A ABRADIG (Associação Brasileira do Rádio Digital) completou 2 anos! E é com entusiasmo que a ABRADIG vem participando de novos desenvolvimentos do Rádio Digital no Brasil, junto à Universidade de Brasília e Rádio Nacional da Amazônia (ver entrevista com o Eng. Ismar, da Nacional da Amazônia) com o uso do DRM em Ondas Curtas, e outros radiodifusores, como a Rádio Inconfidência, através do Eng. Enos, também demonstraram interesse em iniciar testes com o DRM na faixa de Ondas Curtas.

Divulgar conteúdo


X